Manual do Corretor: passo a passo para conseguir mais clientes pela internet

Manual do Corretor: passo a passo para conseguir mais clientes pela internet

Você está cansado de andar de um lado para outro atrás de clientes? Quer se organizar para atender melhor, reduzir o estresse diário e vender mais? Sabemos que a vida de um corretor de imóveis não está fácil.

No entanto, se você for uma pessoa com a mente aberta para o aprendizado, é possível encontrar soluções inovadoras para driblar as dificuldades.

Afinal, estamos vivendo o ápice da era do conhecimento e novas tecnologias são desenvolvidas quase todos os dias.

É impossível ignorar o fato de que o público-alvo de qualquer nicho de mercado está na internet. Hoje, praticamente todo mundo faz pesquisas no Google sempre que tem uma dúvida, interage nas redes sociais, se comunica e está conectado o tempo inteiro.

Você, como um consultor do ramo imobiliário, deve se perguntar: como eu posso aproveitar esse fenômeno para me aproximar do consumidor e melhorar as vendas?

Neste conteúdo, nós pretendemos fazer com que você obtenha todas as respostas para essa pergunta.

Veja o que será trabalhado nesse material:

Marketing Digital para o mercado imobiliário: funciona?

Não é novidade que o mercado imobiliário vem sofrendo uma constante queda nas vendas de uns anos para cá.

Muitas empresas tiveram que fechar as portas mas, ao mesmo tempo, outras cresceram em meio à turbulência da crise. Como elas conseguiram? O marketing digital é a resposta!

Uma das vantagens mais expressivas que um corretor de imóveis pode ganhar ao investir nessa estratégia é a redução de custos com publicidade.

Antes, o marketing estava limitado a anúncios de jornais e revistas, panfletos, outdoors e outros impressos — tudo muito caro e sem garantia de atingir o público certo.

Agora, com a possibilidade de usar ferramentas digitais, a realidade é outra. Além de ser um investimento de custo mais baixo, é possível monitorar os resultados das campanhas em tempo real.

Inclusive, você pode saber quantas pessoas interagem com um anúncio, post, vídeo ou qualquer outro material que foi publicado.

Isso influencia positivamente em todas as suas tomadas de decisão, pois dá para prever as ações que podem ser melhoradas e as que devem permanecer como estão.

Os indicadores são bastante precisos e oferecem uma variedade enorme para mensurar o desempenho.

Outro benefício significativo de investir em marketing digital nesse segmento é a forma diferenciada de reter e captar clientes.

Após o estudo do público-alvo, são definidos os objetivos, os recursos e as ferramentas necessárias para conquistar essas pessoas de uma forma natural.

Ou seja: elas são atraídas pelo conteúdo que é publicado na internet. Quando reagem a ele, é possível recolher as informações de contato de quem interagiu e dar início a um relacionamento que pode durar para sempre.

Na prática: em que o Marketing Digital ajudará na corretagem?

O marketing digital pode ajudar o corretor de imóveis de diversas maneiras. Entre elas, podemos destacar:

1. Aumentar a visibilidade do seu nome

Certamente, existem outros corretores na sua região. Mas se você tiver uma presença forte na internet, de quem as pessoas irão se lembrar quando precisar de um imóvel?

Uma estratégia efetiva de marketing digital faz com que você permaneça em evidência para um público que está conectado em tempo integral.

Investir em um blog com artigos de interesse do seu público torna o seu nome facilmente encontrado nos buscadores.

Isso ajuda a aumentar a sua autoridade e visibilidade, afinal, você está demonstrando que entende do assunto e será admirado por isso.

2. Oferecer novas possibilidades de conversão

Além dos métodos tradicionais de prospecção, é possível ter acesso a outras formas de converter um potencial cliente.

A landing page, por exemplo, é uma página de captura de e-mails que oferece algo em troca dos dados de contato, como um vídeo, e-book ou outro material rico.

Funciona assim: o usuário é atraído para essa página por conta do objeto de valor. Em seguida, ele fornece o endereço de e-mail para fazer o download do conteúdo.

A partir de então, é possível registrar o contato na sua lista e enviar outros materiais de interesse dele.

3. Permitir acesso às informações sobre os anúncios

Os indicadores de um anúncio digital informam a quantidade de cliques, o número de visualizações e apontam quais os canais mais populares que os usuários estão utilizando para acessar o seu conteúdo.

Além disso, é possível criar campanhas segmentadas para um público específico com base nesses resultados.

As redes sociais, a exemplo do Facebook, possuem um gerenciador de anúncios com diversas possibilidades para impulsionar um post.

Sendo assim, ficou muito mais prático aumentar a audiência das suas campanhas e, ao mesmo tempo, monitorar o desempenho de cada uma em tempo hábil para fazer uma alteração sempre que for necessário.

4. Facilitar a interação com o público-alvo

Hoje, cada vez mais, as pessoas estão buscando informações e entretenimento na internet. O uso de dispositivos móveis superou o próprio computador e, independentemente do lugar, todos estão conectados.

Produzir conteúdo na web representa a possibilidade de cultivar o relacionamento com o cliente e potenciais clientes.

Por isso, é importante que você tenha uma presença digital marcante, uma identidade visual atrativa e abuse da criatividade na hora de produzir os conteúdos.

Pés no chão: o que o Marketing Digital não pode fazer por um corretor

Não há dúvidas de que o marketing digital é revolucionário, mas ele não é uma fórmula mágica que, sozinha, resolverá todos os seus problemas.

É preciso ser realista e entender também o que está fora das possibilidades no universo do marketing na web. Veja alguns exemplos:

1. Substituir todas as reuniões presenciais por contato virtual

A capacidade de ouvir as necessidades do outro, entender a postura corporal, reagir a comentários e criar um vínculo de confiança é muito maior quando estamos frente a frente com alguém.

A automação de marketing ajuda a impulsionar qualquer estratégia, mas nada substitui o talento de um bom corretor de imóveis.

Por isso, não pare totalmente de fazer as visitas presenciais. Seja simpático e prestativo sempre.

Se você identificar que alguns clientes mais antigos possuem limitações com o uso de tecnologias, continue dando atenção da forma tradicional.

Faça contato por telefone, agende uma visita, envie material pelos correios, se for preciso. Reserve as mensagens eletrônicas para aqueles que têm o hábito de buscar conhecimento na internet.

2. Fechar a compra de um imóvel com um simples post nas redes sociais

Não espere que um simples post tenha o poder de fazer uma venda. A reação que ele pode causar é simplesmente atrair o leitor para saber mais sobre aquele assunto.

Isso é ótimo, pois isso representa uma nova possibilidade de conseguir engajá-lo com suas publicações, mas não é tudo.

Sabendo disso, não perca a oportunidade de inserir links internos que apontam para outros materiais de referência. Assim, o usuário navega por mais tempo em busca de informações e tem mais autonomia para tirar as dúvidas sozinho.

3. Permitir que você relaxe nas atitudes proativas

É importante manter uma postura profissional e proativa, então, jamais confie que o cliente sabe tudo sobre o imóvel só porque ele leu algumas informações na internet.

Estude todas as características do produto que você pretende vender e esteja preparado para qualquer tipo de pergunta — isso faz com que o cliente se sinta mais seguro para comprar.

O mesmo não acontece quando ele percebe que você não sabe responder. Por isso, faça o dever de casa antes de entrar em contato com alguém.

4. Primeiros passos: crie uma estratégia de atuação online

Para começar, é fundamental fazer um estudo detalhado do público-alvo para conhecer as necessidades e expectativas das pessoas que compram o seu produto. Considere faixa etária, sexo, localização, poder aquisitivo, preferências etc.

Em seguida, essas informações são organizadas dentro de um banco de dados, preferencialmente um sistema de CRM — Customer Relationship Management —, ferramenta de gestão de relacionamento com o cliente.

Essa tecnologia ajuda a segmentar um público por categoria, de acordo com o objetivo de uma campanha. Por exemplo: é possível enviar um material apenas para pessoas acima de 45 anos que moram em um bairro específico.

No planejamento estratégico, inclua os objetivos que você pretende alcançar com o marketing digital. Pode ser melhorar o relacionamento com o cliente, fidelizar, captar novos compradores, entre outros. Também é importante calcular a média dos custos para não ter surpresas no orçamento.

A partir daí, defina as ações que serão colocadas em prática e as ferramentas necessárias com base no perfil do público-alvo e os objetivos pretendidos.

As principais ferramentas para um corretor de imóveis

Agora que você sabe a importância do marketing digital e tudo o que ele pode ou não fazer para captar mais clientes, chegou a hora de conhecer as principais ferramentas dessa estratégia poderosa. Acompanhe:

1. Site

O site é como um cartão de visitas disponível na internet. Ele deve apresentar o seu portfólio e informações de contato — como telefone, e-mail e WhatsApp.

Se você for um profissional com muitos anos de experiência, abra um espaço para contar um pouco sobre a sua trajetória e apresentar o seu currículo.

2. Blog

O blog exige uma dinâmica diferente. Afinal, ele é responsável por fazer com que você seja encontrado nos buscadores sempre que alguém fizer uma pesquisa sobre um tema específico.

Por isso, é essencial produzir artigos relevantes com uma frequência constante.

Para que as páginas do seu blog apareçam bem posicionadas na internet, é necessário utilizar estratégias de SEO (Search Engine Optimization), um conjunto de técnicas que trabalha com recursos como palavras-chave, links internos e externos.

Não hesite em buscar ajuda de um profissional para que seu conteúdo se torne referência de qualidade.

3. Facebook

O Facebook é a rede social mais popular do momento — ou seja, uma grande parcela do seu público tem um perfil nessa rede.

Isso significa uma ótima oportunidade de produzir conteúdo e interagir com potenciais clientes. Lá, você pode publicar o link dos artigos do blog, fotos, vídeos, textos.

Lembre-se de que esse ambiente é muito utilizado para entretenimento e aproveite para desenvolver também conteúdos mais informais, como dicas, curiosidades etc.

Em todos os posts, use o seu logotipo para ser identificado facilmente.

4. Instagram

O Instagram é muito útil para quem precisa divulgar imagens. Ele possui filtros que podem ser aplicados na foto com apenas alguns segundos de edição, recurso que ajuda a dar um efeito sofisticado naquilo que você pretende mostrar para o público.

Para ganhar mais visibilidade nos posts, use hashtags com assuntos específicos, como #imoveis, #família ou #casamento, por exemplo.

O aplicativo oferece uma página de resultados sempre que alguém clica nas marcações. E fique atento: sempre responda aos comentários utilizando o arroba — por exemplo: @nome-do-usuário.

5. Newsletter

O e-mail marketing ou newsletter é uma mensagem que pode ser enviada para toda a sua base de clientes ou parte dela.

O e-mail ainda é um dos melhores meios de comunicação que existe: é rápido, barato e eficiente. Já pensou em se relacionar com o seu público dessa maneira?

Com uma lista bem elaborada, é possível enviar milhares de correspondências, saber quantas pessoas abriram e quem não leu. É possível, inclusive, fazer testes para descobrir que tipo de texto no campo assunto tem mais abertura que outros.

Para ampliar o leque de possibilidades, é recomendável trabalhar para aumentar a lista de contatos cada vez mais.

A newsletter, assim como outras estratégias de relacionamento, devem respeitar o funil de vendas do marketing. Nesse caso, é preciso encaminhar conteúdos de acordo com o estágio do visitante.

O contato inicial significa que ele está no topo do funil. Então, nada de enviar informações sobre a sua empresa — é o momento de oferecer um material útil e relevante.

O usuário é considerado um potencial cliente quando está no meio do funil, por isso o espaço é mais estreito. Aqui, ele já está ciente das suas próprias necessidades e está começando a perceber que você tem a solução que ele precisa para melhorar de vida.

Finalmente, é no fundo do funil que ele está preparado para comprar. Embora a maior parte do processo seja feita de forma automática, é preciso ter habilidade para saber a hora certa de interagir com o usuário nos diferentes estágios, principalmente o último.

Dica extra

O contato com o cliente através das redes sociais é uma forma de criar o seu marketing pessoal. Por isso, é fundamental que você trabalhe a sua imagem como corretor, sem se prender às imobiliárias ou construtoras.

Nas redes sociais, trabalhe apenas o seu nome e a sua proposta. Isso facilitará as vendas caso você troque de imobiliária ou decida se tornar um corretor autônomo. Afinal, você já é a sua própria marca, e precisa ser bem trabalhada e nutrida para continuar dando frutos.

Conclusão

Hoje em dia, a internet oferece novas possibilidades para o corretor de imóveis captar clientes sem ter que gastar muito.

O marketing digital dispõe de muitas ferramentas que ajudam nesse processo: blog, redes sociais, e-mail marketing e muitos outros.

As diferenças mais significativas entre esse recurso e os métodos tradicionais são a redução de custos e o acesso aos indicadores desempenho.

É possível saber quantas e quais pessoas interagem com uma publicação, quem abriu um e-mail ou não, o post mais visualizado, o que não agradou etc.

Tudo isso ajuda no processo de decisão do seu negócio. Além disso, você tem outras maneiras de converter clientes, como publicar conteúdo relevante na internet para atrair o seu público que está conectado.

Dar mais visibilidade ao seu nome é fundamental para se destacar da concorrência. Para que isso seja uma realidade, você precisa mostrar que é um profissional competente e confiável.

Então, o melhor momento para criar um plano de atuação on-line é agora!

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *