5 tendências tecnológicas para corretores de imóveis. Conheça!

5 tendências tecnológicas para corretores de imóveis. Conheça!

A revolução tecnológica atinge absolutamente todos setores da sociedade, e com o mercado imobiliário não é diferente. Nesse caso, as inovações propostas só vêm para agregar, facilitando a comunicação entre corretores e clientes, oferecendo novas possibilidades de mostrar aos interessados projeções de empreendimentos, entre muitos outros.

Conheça abaixo as principais tendências tecnológicas para o setor:

1. Smartphones e Tablets

Usar o dispositivo móvel para entrar em contato com o cliente, tirar dúvidas, mostrar projeções de como irão ficar os empreendimentos nos quais ele está interessado já é algo amplamente feito pelos corretores. O nome disso é BYOD (Bring Your Own Device), e essa prática beneficia tanto empresa, quanto colaborador e cliente. Cada vez mais essa tendência deve se consolidar.

2. Novos canais de venda

As plataformas digitais surgem como um novo canal de vendas óbvio, pois permitem, além de oferecer o produto propriamente dito, agregar valor através de informações valiosas para o seu cliente. Isso pode ser por meio de um blog, por exemplo, no qual se podem explorar assuntos que sejam do interesse de quem está adquirindo imóveis.

Além de conteúdos, anúncios no Google, Facebook, sites específicos, jogos e até aplicativos podem ser um bom investimento.

3. Anúncios em vídeo são tendências tecnológicas

Algo ainda pouco explorado pelo mercado imobiliário brasileiro são os anúncios de imóveis em vídeo. No exterior, esse já é um formato consolidado, principalmente na comercialização de unidades corporativas e de luxo. Com ele, é possível explorar aspectos que em imagens estáticas seria inviável.

Uma visita guiada por vídeo é capaz de dar uma boa primeira impressão ao cliente ou, simplesmente, mostrar o que realmente está esperando por ele e, se não houver interesse, economizar o tempo do corretor.

4. Apps de empreendimentos

Outra tendência que vem de fora, principalmente dos EUA e da Europa, é que o lançamento de novos empreendimentos sejam acompanhados de aplicativos mobile (Android, iPhone, iPad e Windows Phone). Neles, o usuário tem todas as informações sobre os imóveis oferecidos naquele local: fotos, vídeos, metragens, posição solar, facilidades nas proximidades, plantas baixas, acessos entre muitos outros.

Além disso, também é possível encontrar valores, cálculos de parcelamentos, financiamento (em alguns casos) e entrar em contato diretamente com o corretor responsável.

5. Business Intelligence e Big Data

Para que se ofereça exatamente o que o cliente deseja é imprescindível que a coleta de dados seja organizada, qualificada e disponível para todos na empresa. O Business Intelligence faz isso: permite cruzar e estruturar dados de forma organizada, promovendo a otimização e monitoramento dos canais de comunicação. Um pouco mais à frente, o Big Data (ou o grande volume de informações) possibilita entender os dados para que a empresa tome inteligentes decisões a respeito, principalmente, de sua área comercial.

Essas são apenas algumas das tendências tecnológicas mais importantes que estão guiando o mercado imobiliário. O movimento nesse setor é grande e ainda há muito mais por vir. O importante é que o corretor se mantenha atualizado sobre as novidades e ofereça as facilidades disponibilizadas pela tecnologia para os seus clientes.

Gostou das dicas? Saiba também como ser um corretor de imóveis de sucesso em 10 passos.

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *