Como (e por que) fazer plano de carreira na área de imóveis

Como (e por que) fazer plano de carreira na área de imóveis

A maioria dos profissionais que ingressam no mercado de trabalho não faz um plano de carreira, especialmente os profissionais liberais. Eles seguem o fluxo das oportunidades e não se dão conta de que é preciso fazer investimentos de tempo e dinheiro para direcioná-los a um objetivo maior. Isto acontece também com quem já está há mais tempo no mercado e quer escolher outra carreira mais promissora, mas não sabe como.

A solução para isto é o plano de carreira, em que é possível traçar um caminho objetivo para o sucesso. Neste post vamos mostrar como e por que ele é tão fundamental na área de imóveis! Confira!

Entenda a importância de um plano de carreira

Elaborar um plano de carreira é essencial para que o profissional tenha o controle de seu crescimento no mercado de trabalho.

Se o profissional atua na área financeira, mas sonha em atuar na área comercial como corretor de imóveis, por exemplo, seu planejamento de carreira deve iniciar com os pré-requisitos necessários para atuação como corretor, como o curso Técnico de Transações Imobiliárias (TTI) e registro no CRECI, e evoluir para outros conhecimentos que possam agregar como diferencial na futura carreira.

Faça uma avaliação pessoal

Reconhecendo o valor do plano de carreira, existe outro problema que muitos profissionais enfrentam: eles não sabem exatamente quais são seus objetivos de curto, médio e longo prazos.

Isso é natural, uma vez que é preciso conhecer um pouco do mercado para saber quais são as oportunidades de crescimento e também as habilidades pessoais que podem ser aproveitadas e outras que precisarão ser desenvolvidas.

Por isso, faça uma avaliação pessoal e uma pesquisa de mercado para definir as etapas do seu planejamento.

Defina objetivos por etapas

Os objetivos traçados no plano de carreira devem ser exclusivos da área profissional, o que significa dizer que planos como casamento, troca do carro e viagens devem ser planejamentos pessoais alimentados pelo sucesso na carreira.

Uma das vantagens de se trabalhar como corretor de imóveis são as comissões de vendas e elas podem fazer parte do planejamento profissional. Um corretor pode definir metas de ganhos financeiros para cada etapa, pois além do aumento da sua renda, o bom volume de vendas também será visto positivamente pela empresa.

Outro ponto é que uma das habilidades essenciais para o corretor é saber relacionar-se com seus clientes e, por isso, estabelecer metas de aprendizado para dominar ferramentas e estratégias inovadoras como o marketing imobiliário é fundamental para o sucesso.

Elabore suas estratégias

Com todos os objetivos traçados, as estratégias devem contemplar em cada etapa o desenvolvimento profissional, os relacionamentos interpessoais, performances no ambiente de trabalho e motivação.

Desenvolvimento profissional

Incluir em cada etapa cursos e certificados da área de imóveis, habilidades linguísticas, matemática financeira, mercado financeiro, etc.

Relacionamentos interpessoais

Estar em constante contato com outros profissionais da área, construtoras, participar de eventos, palestras e workshops em cada uma das etapas do plano de carreira é muito importante para o sucesso do corretor de imóveis. O networking proporciona novos aprendizados e também caminhos mais condizentes com o que foi planejado.

Performances no ambiente de trabalho

Estabelecer suas próprias metas de vendas faz parte de um bom plano de carreira. Além de proporcionar bons ganhos, também consolida a imagem do corretor com a empresa e colegas.

Revise o plano de metas regularmente

O plano de carreira deve ser constantemente visitado e revisado, pois as experiências vividas e os aprendizados podem mudar os objetivos seguintes, e isto é perfeitamente natural.

Em meio ao processo de evolução da carreira, um corretor de imóveis que almejava coordenar uma equipe de corretores pode descobrir que não sente prazer em gerenciar subordinados e que prefere atuar como administrador de sua própria corretora, por exemplo.

O plano de carreira não deve ser visto como um documento rígido e nem ser subestimado, principalmente para profissionais da área de imóveis, que atuam em um mercado tão volátil.

Quer mais detalhes para a construção do seu plano de carreira? Baixe agora nosso e-book Guia definitivo: plano de carreira no mercado imobiliário!

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *