Os 6 maiores erros de atendimento cometidos por corretores

Os 6 maiores erros de atendimento cometidos por corretores

Na vida de um corretor de imóveis, atitudes simples podem garantir uma gorda comissão, mas, por outro lado, pequenos erros de atendimento podem frustrar não somente uma venda como toda a reputação do profissional.

O objeto de venda — o imóvel — tem um ticket alto e, por esse e muitos outros motivos, o consumidor é exigente com as vantagens que vai obter na compra — e, claro, com o atendimento, que deve ser preciso, envolvente e decisivo.

Reunimos neste post os maiores erros de atendimento cometidos por corretores. Saiba quais são e veja como evitá-los!

Falta de organização

O grande mal da falta de organização é que isso representa custo para o corretor. Deixar de planejar e organizar seus documentos e rotina pode custar combustível a mais em roteiros de visitas desorganizados, por exemplo.

Pode causar também a falta de informações determinante para o fechamento de uma venda, perda de dados estratégicos para o relacionamento com o cliente, como a lista dos imóveis que ele já visitou e demonstrou interesse, ou até mesmo suas informações de contato.

Não entender o funil de vendas

Por inexperiência ou ansiedade, alguns corretores atropelam as fases pelas quais um potencial comprador deve passar para decidir por sua compra, e isso impede muitas vezes que ele organize seus pensamentos e feche negócio.

Um bom corretor deve ajudar e conduzir o cliente nesse processo de identificação da necessidade e tomada de decisão, mas nunca forçá-lo a passar de uma fase para outra se ainda não for seu tempo.

Não conhecer e nem respeitar o perfil do cliente

Clientes com personalidades diferentes, em momentos de vida e por motivos distintos buscando um mesmo produto: o imóvel. Com características tão diversas, eles não podem ser tratados da mesma maneira apenas por buscarem o mesmo tipo de investimento.

É preciso conhecer e respeitar o perfil e momento de cada cliente. Alguns são inseguros, reservados, outros são mais curiosos e afoitos por informações extras. O corretor deve saber se adaptar a cada um deles para não cometer erros de atendimento no momento do relacionamento.

Ser um corretor inconveniente

A inconveniência pode ser chamada de insistência e intromissão. Ligar diversas vezes e insistir na compra desgasta o relacionamento com o cliente, assim como perguntar a todo momento informações pessoais que nem todos desejam compartilhar.

É preciso trabalhar uma medida certa para conseguir conquistar a confiança do cliente e também manter-se na memória dele. E não é só por meio de ligações que você consegue isso, mas também com o envio de e-mails com informações sobre o mercado imobiliário e outras amenidades.

Vender características em vez de benefícios

Investidores e clientes em busca de um imóvel precisam saber não somente as características físicas e sua constituição, mas também os benefícios agregados.

Não mencionar ao cliente a valorização do bairro, seu potencial de crescimento, facilidades próximas ao endereço (como supermercados, farmácias, linhas de ônibus e etc.), construtora responsável e outros benefícios do imóvel são erros graves que podem impedir a realização da venda.

Outros erros de atendimento e fidelização

Não conhecer o mercado e seus influenciadores também é um grande erro de atendimento. Para a venda ser contextualizada, o corretor precisa dominar assuntos e informações sobre economia e investimentos, além de conhecer seus concorrentes e parceiros que podem ajudar no fechamento da venda.

Outro erro comum é conquistar uma venda e finalizar o relacionamento com o cliente nesse momento. A fidelização só é conseguida com o contato frequente para questionar sobre a satisfação com o imóvel e adaptação ao novo endereço. Essa é uma maneira de manter a sua gestão de contatos sustentável, mantendo um número de potencial clientes e indicações sempre crescente.

Dica extra

O contato com o cliente através das redes sociais é uma forma de criar o seu marketing pessoal. Por isso, é fundamental que você trabalhe a sua imagem como corretor, sem se prender às imobiliárias ou construtoras.

Nas redes sociais, trabalhe apenas o seu nome e a sua proposta. Isso facilitará as vendas caso você troque de imobiliária ou decida se tornar um corretor autônomo. Afinal, você já é a sua própria marca, e precisa ser bem trabalhada e nutrida para continuar dando frutos.

Uma lista de erros de atendimento permite que o corretor faça uma análise pessoal de seu estilo de venda e se adapte. Dentre estes erros mencionados, existe algum que você já precisou corrigir na prática? Conte para nós a sua experiência!

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Um comentário para “Os 6 maiores erros de atendimento cometidos por corretores”

  1. BENIRLAN disse:

    sim a falta de organização, mas na primeira vez que perdi um cliente por ligar um dia após a data combinada decidi que faria desse um ponto forte em meu trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *